Atitude do Pensar

Atitude do Pensar

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Estação e Doçuras

A ESTAÇÃO
" Por frações de segundo seria amor, mas por receio resolvi descer na próxima estação."
Por mim.



DOÇURAS DO CÉU


O céu de ontem estava com sabor de algodão doce. Seu sorriso era largo, como daquele menino. Namorando suas cores, quase me perdi entre os balões - juro que os vi lá no alto. Ao nascer, trouxe-me eles, não permitindo que eu me sentisse sozinha. No final da tarde, quando o breu tentou adentrar, lembrou-me das asas e senti uma multidão de sensações. Soltando fogos, agradeci pelos presentes. Porém, a noitinha, quando estava a me despedir, recebi a maior das delicias.


[são nas pequenas delícias da vida que sinto-me viva, as surpresas que ela proporciona para os que não estão dormindo]

13 comentários:

  1. Amiga, muito legal teu post.
    Um grande abraço. Desejo-te um bom dia.

    ResponderExcluir
  2. Lindo demais as pequenas delicias mostram como é boa a vida!beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Eu adoro pequenas delícias. Posso enumeras dúzias delas: bolo de fubá recém saído do forno, xícaras de chá, taças de vinho, beijo inesperado, abraço apertado no meio da tarde, sorrisos espaçados no começo da manhã, música que se repete, flores que chegam, céu cor de chuva, ventos cor de saudade...
    Melhor parar... rs

    bacio

    ResponderExcluir
  4. São essas pequenas delícias que fazem a vida funcionar e que nos dão coragem até mesmo pra descer na próxima estação!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Ah que lindo ^^
    Que bom que vc está bem acordada e sentindo o prazer de todas as pequenas delícias que a vida tem a oferecer.

    Beijo! Boa semana.

    PS: Gostei das músicas =)

    ResponderExcluir
  6. É sempre muito revigorante passar por aqui.
    Um beijo!

    http://zapatariabr.blogspot.com

    http://zbeautyshop.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Eu devia ter descido na próxima estação.

    ResponderExcluir
  8. há sempre um balão que alguém nos depõe na mão, quando nos apeamos numa qualquer estação da vida. é que bem para lá da ferrovia ainda há todo o tecido do céu.
    beijinho!

    ResponderExcluir
  9. Tem que estar bem acordado pra se aperceber dessas delícias...

    Adorei a foto!

    ResponderExcluir
  10. Dilmar, muito obrigada.

    Chica, pequenas delícias, grandes prazeres...rsrs

    Lu, sempre gostei de pequenas delícias, mas acredito que há dois momentos onde estas se fazem mais percebidas: na infância e na maturidade. Espero encontrar-me sempre entre ambas.XD

    Dani, é verdade.

    Thel, estar acordada tem a ver com um tipo delucidez que pode ser permeada de sonhos. A música em si, encontra-se entre minha maiores delícias.

    Maggie, se é. Grande perda, né...

    Obrigada, Zapataria.

    André, ando repensando sobre isso.

    Jorge, do trem visualizamos tantas delícias que a viagem, as vezes, pode até ser mais longa.

    Cris, no sonho também podemos enxergá-las, mas não tocá-las.hehe

    ResponderExcluir
  11. Então, permaneça acordada e deixe que as pequeninas coisas, te surpreenda!!!


    Como diz minha mãe: não durma no ponto!!!

    Rs!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Até acordada demais...virando madrugadas da vida!XD Isso tem sido tão om!!!!!!!!!

    ResponderExcluir