Atitude do Pensar

Atitude do Pensar

quinta-feira, 30 de junho de 2011

Carpinejar e minha dúvida

LEI SECA

Por Fabrício Carpinejar

O inimigo público do homem é o barman gostosão.
Foi ele que nos conduziu a uma crise de identidade sem precedentes, ao término do maniqueísmo e da Guerra Fria.
Do barman, veio o metrossexual, o pansexual e Patrick Swayze. Não duvido que os emos não sejam ramificações de sua índole.
O barman destruiu a luta entre o bem e o mal, tirou o homem do mundo e o colocou em casa para defender seu território doméstico. Ou ele voltava rápido ao lar, cozinhava, passava aspirador e cuidava dos filhos, ou perdia sua mulher para sempre.
O barman é o monstro pornográfico, o vilão erótico, destruiu nosso conforto maternal de comida e roupa lavada. Não tem como concorrer com ele: atende ao mínimo sinal, dança, rebola, canta e prepara poções melosas batizadas de filmes românticos. Uma mistura demoníaca de stripper, personal trainer, karaokê e liquidificador, tudo o que uma mulher sente falta em seu marido.
Quando ele surgiu, seminu e sarado, atrás dos balcões nos bares e boates, morreu o heterossexual como meu pai e meu avô conheciam.
O escandaloso e convencido barman suplantou o discreto e humilde garçom.
Morreu a gravata-borboleta para ceder espaço à bandana. Morreu o dente de ouro do maître para abrir lugar a aparelhos e piercings. Morreram os pelos dos ouvidos dos cinquentões para o reinado dos peitos depilados dos rapazes. Morreu o destilado caubói para um edifício de drinques coloridos e duvidosos. Morreu a simplicidade da bandeja pela agitação da coquetelaria. Morreu a imobilidade generosa do funcionário pelo show de malabarismo, acrobacia, e mágica. Morreu a elegância do dedo levantado em nome do assobio histérico.
O garçom exemplificava lealdade: padre que guardava nossos pecados e limpava a mesa. Fácil de acreditar, chorar dor-de-corno, pedir emprestado o ossinho do ombro. Nossa felicidade terapêutica consistia em oferecer gorjeta e derramar um pouco de bebida ao santo.
Já não conheço nenhum amigo que confie no barman. Sofre-se o medo de que ele se aproveite da fragilidade das confissões e seduza a esposa.
O barman é um infiltrado na barbearia; deveria aparecer longe de nossos olhos, somente no chá-de-panela.
Em sua companhia, não há como vacilar um minuto, somos obrigados a buscar bebida porque as mulheres criam motivos para se aproximar dele. É um risco, uma temeridade: jovens lindos, cheirosos, disponíveis, e traficando secretamente o número de seus celulares nas comandas.
O barman é o fim do faroeste, da porta-balcão, do cavalo amarrado no obelisco.
Não consigo imaginar John Wayne sendo servido por um barman.
Sentimos saudades do velho garçom.
Todo garçom tinha a obrigação de ser mais feio do que a gente. Uma tranquilidade que não volta mais.
O que nos resta é beber para esquecer. Dentro de casa.

DÚVIDA CRUEL





Preciso escolher.
Alguém me ajuda a decidir?

Que tal a Paulinha, após confissões de buteco ontem...

[Me desculpem, mas deve ser o efeito do álcool que ainda encontra-se em mim]

14 comentários:

  1. Mesmo que o barman seja feio, conforme o teor alcoólico vai subindo no sangue ele vai ficando bonito, até chegar ao lindo... rs

    Beijocas

    ResponderExcluir
  2. o Depp sem duvida!!!! nenhumaaaaaaaaaa rs

    ResponderExcluir
  3. hahaahhahahahahaha

    nem chama!!!!!

    hahahahahahahahah

    o Depp. sem duvida =P

    ResponderExcluir

  4. Bom dia!
    Esta é a palavra do Pai para você no dia de hoje:


    “Todo o lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo tenho dado, como eu disse a Moisés.
    Desde o deserto e do Líbano, até ao grande rio, o rio Eufrates, toda a terra dos heteus, e até o grande mar para o poente do sol, será o vosso termo.
    Ninguém te poderá resistir, todos os dias da tua vida; como fui com Moisés, assim serei contigo; não te deixarei nem te desampararei.
    Esforça-te, e tem bom ânimo; porque tu farás a este povo herdar a terra que jurei a seus pais lhes daria.
    Tão-somente esforça-te e tem mui bom ânimo, para teres o cuidado de fazer conforme a toda a lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvies, nem para a direita nem para a esquerda, para que prudentemente te conduzas por onde quer que andares.
    Não se aparte da tua boca o livro desta lei; antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme a tudo quanto nele está escrito; porque então farás prosperar o teu caminho, e serás bem sucedido.
    Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares”. (Josué 1:3-9)



    http://www.youtube.com/watch?v=sfrSSSp10Bo


    Deus seja contigo sempre!

    Blog Yehi Or!
    http://hajalluz.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. esteja sempre em casa, pode levar o que quiser…rs

    como disse uma velha musica: o novo sempre vem...

    ResponderExcluir
  6. Oi amiga!
    Gostei imenso deste tema! Continua esscrevendo que está aqui quem te lê!

    Um beijo grande e bom fim de semana

    ResponderExcluir
  7. Deep, sempre, aliás o outro nem faz concorrência...

    ResponderExcluir
  8. Tá em dúvida???
    Eu prefiro o primeiro... kkkk..
    Depois do texto, fiquei refletindo aqui a exacerbada diferença do cara atrás do balcão, de ontem e o de hoje.
    Você concluiu o texto com singelos 'pingos' de bebida alcoólica no seu corpo??? kkk

    Ficou esplêndido!!

    ahahahaha!!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. ena, post feminista este. e eu que esperava as fotos da vanessa paradis e a da moça sentada na mesa da frente, lá no boteco, para poder ajudar na votação, hehe!
    um abraço bem-humorado!

    ResponderExcluir
  10. Ai Keila, me matei de rir com um comentário acima da pessoa dizendo que te lê... mas acho que ele nao te leu nessa kkkkk
    Eu tô formulando um post sobre "os comentários malas". Putz, vai ser sucesso também.
    Vou da mesma opiniao da Dama... o que nao faz o grau etílico hehe

    ResponderExcluir
  11. Gente, Deep ganhou disparado, mas ainda acho o Chris Cornell tão sexy.
    Acho que vou ficar com os dois.
    Eu posso!
    Estou solteira!!!hehe
    Bju em todos, até em quem não leu o texto.

    ResponderExcluir
  12. Keila, é uma escolha deveras difícil, você ha de concordar! Mas sabe o que? Euzinha nao teria cacife pra nenhhum dos dois mais kkkk

    ResponderExcluir